Portal Estrada
© Portal Estrada / Todos os direitos reservados.
HomeRodoviasAprimoramento da Infraestrutura de Transportes no Paraná: Segundo Lote do Sistema Rodoviário será Leiloado

Aprimoramento da Infraestrutura de Transportes no Paraná: Segundo Lote do Sistema Rodoviário será Leiloado

Em recente Reunião do Conselho de Administração (Redir) foi aprovado o edital de licitação do segundo lote do Sistema Rodoviário do Paraná. Com extensão de 605 km e investimento de R$ 17,3 bilhões, o edital será publicado em 12 de junho, e o leilão está previsto para 29 de setembro.

Benefícios do Segundo Lote: Espera-se que o segundo lote traga benefícios para a região, incluindo uma pista adicional na Serra do Mar, facilitando o transporte de cargas. Além disso, a restauração e a manutenção dos trechos leiloados impulsionarão o desenvolvimento econômico e social.

Detalhes da concessão: O contrato de concessão terá duração de 30 anos e abrangerá 605 km de rodovias federais e estaduais. O faturamento estimado ao longo desse período é de R$ 37,2 bilhões.

Investimentos:
O investimento previsto é de R$ 10,8 bilhões, com R$ 4,7 bilhões destinados à duplicação de rodovias. Os custos operacionais estão estimados em R$ 6,5 bilhões e incluem serviços de assistência médica e mecânica.

Benefícios e inovações:
O projeto contempla a duplicação de 356 km de estradas, a construção de 79 km de faixas adicionais e a melhoria de 38 km de estradas vicinais. Além disso, serão construídas 55 pontes pedonais, ampliadas mais de 150 paradas de ônibus e criadas mais de 100 Obras Artísticas Especiais. Também estão previstas a implantação de câmeras para reconhecimento de placas, painéis de mensagem variável, iluminação de LED, pesagem em movimento de caminhões e monitoramento meteorológico.

Pedágios e Modernização:
O segundo lote contará com sete praças de pedágio, que serão restauradas e modernizadas. As tarifas-teto praticadas serão menores, e os motoristas de veículos leves terão desconto de 5% ao utilizar a TAG.

Modelo de Leilão: O leilão será realizado por menor tarifa, com aportes crescentes e proporcionais para deságios acima de 18%, visando oferecer tarifas mais acessíveis.

Impacto Econômico e Social:
A concessão trará impactos significativos, impulsionando o desenvolvimento econômico e social das cidades interligadas. Além disso, facilitará o transporte de mercadorias, promovendo o comércio, a indústria e o turismo.

Conclusão:
A liberação do edital representa um passo importante para o avanço da infraestrutura viária e o desenvolvimento econômico do Paraná. Com investimentos de R$ 17,3 bilhões, o projeto trará melhorias nas rodovias, modernização das praças de pedágio e adoção de tecnologias inovadoras para garantir segurança e conveniência aos usuários. Espera-se que essa iniciativa fortaleça a infraestrutura de transporte e promova a integração regional.

 

Fonte: ANTT

Foto: DENIT

Leia também: Atualização dos pisos mínimos de frete: Impacto da retração do preço do Diesel S10 – ANTT
Compartilhe este post:
Compartilhar com