HomeMotoristas81% das transportadoras de São Paulo percebem dificuldades na contratação de motoristas

81% das transportadoras de São Paulo percebem dificuldades na contratação de motoristas

Portal Estrada - 81% das transportadoras de São Paulo percebem dificuldades na contratação de motoristas

81% das transportadoras de São Paulo percebem dificuldades na contratação de motoristas

De acordo com estudo conduzido pelo Instituto Paulista do Transporte de Carga (IPTC), 81% das empresas de transporte rodoviário de cargas de São Paulo e região percebe uma crítica falta de motoristas no mercado de trabalho. Dessas 34% tiveram grande turnover, ou seja, uma grande rotatividade de profissionais.

O órgão vinculado ao Sindicato das Empresas de Transportes de Carga de São Paulo e Região (SETCESP), evidenciou que a falta de motoristas acarreta outra grande questão: veículos parados nas bases das empresas. Segundo a pesquisa, 38% das empresas consultadas apontaram que os veículos ficam estacionados por não haver profissionais capacitados para dirigi-los.

O IPTC mapeou mais de 500 vagas para motoristas na Grande São Paulo em aberto e o departamento de recursos humanos do SETCESP está fazendo a captação de currículos e repassando para as empresas.

Os currículos devem ser enviados para vagas@setcesp.org.br

Falta de profissionais

O Brasil está acompanhando as tendências dos Estados Unidos da América e da Europa quando o assunto é a falta de motoristas profissionais do TRC. Para se ter uma ideia, nos EUA estima-se que faltam cerca de 60 mil profissionais, enquanto que, na Europa, 127 mil, principalmente em países como Inglaterra, Alemanha e Espanha.

Esses dados são do relatório técnico “A falta de motoristas para as empresas do TRC”, elaborado pelo Instituto Paulista do Transporte de Carga (IPTC), e que se baseou em estudos publicados pela ATA (American Trucking Association – Associação Nacional das Transportadoras), em informações cedidas pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) e também pelo Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (DETRAN-SP) e Departamento Nacional de Trânsito (DENATRAN).

De acordo com o texto, desde 2015 o número de motoristas habilitados para dirigir caminhões (categoria C e complementares) caiu -5,9% ao ano no Brasil – o que representa mais de 1 milhão de motoristas. Em São Paulo a queda é mais brusca, e chegou a -8,9% entre os anos de 2017 e 2018.

 

Fonte: Setcesp

Foto: Divulgação

Veja todas as VAGAS para Motoristas AQUI!

Compartilhar com
Avalie este artigo