HomeRodoviasAvenida Portuária exclusiva para caminhões é inaugurada no Rio de Janeiro

Avenida Portuária exclusiva para caminhões é inaugurada no Rio de Janeiro

Portal Estrada - Avenida Portuária exclusiva para caminhões é inaugurada no Rio de Janeiro

Avenida Portuária exclusiva para caminhões é inaugurada no Rio de Janeiro

O acesso rodoviário para caminhões entre Avenida Brasil, em Manguinhos, ao portão 32 do Porto do Rio de Janeiro está mais fácil desde esta quarta-feira (28). Com a presença do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, e do secretário-executivo do MInfra, Marcelo Sampaio, a concessionária Ecoponte inaugurou a Avenida Portuária.

“O Governo Federal trabalha em duas frentes: na remodelação das concessões e na garantia dos investimentos das concessões anteriores. Estamos garantindo que as melhorias cheguem para a sociedade e zelando pelo cumprimento dos contratos. O programa de concessões é um acerto”, afirmou o ministro. Além disso, Tarcísio comentou sobre o caráter de mobilidade urbana da obra, onde o desvio do tráfego de caminhões irá favorecer toda a logística das avenidas do centro do Rio.

A expectativa é que trafeguem pela avenida cerca de 2,6 mil veículos diariamente. Com a nova ligação, a expectativa é que o tráfego melhore nas vias próximas ao Porto. De mão dupla, a Avenida Portuária será exclusiva para veículos comerciais, sem permissão para carros de passeio, motos e coletivos.

A Avenida Portuária foi construída junto com a alça de ligação da Ponte Rio-Niterói com a Linha Vermelha, inaugurada há um ano e as duas obras tiveram investimentos de R$ 450 milhões, que gerou cerca de 1,5 mil empregos diretos e indiretos. Os dois empreendimentos são os principais do atual contrato de concessão da Ponte.

Portal Estrada - Avenida Portuária exclusiva para caminhões é inaugurada no Rio de Janeiro

ANTT

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) publicou a Resolução nº 5.936/2021, no Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira (28/4), que trata da proibição do tráfego de produtos perigosos na Avenida Portuária, no Rio de Janeiro (RJ). A nova norma altera a Resolução nº 1.713, de 9 de novembro de 2006, que dispõe sobre o transporte de cargas na região. O segmento faz parte da concessão da Ponte Rio-Niterói, administrada pela concessionária Ecoponte.

Segundo o voto do diretor-relator, Davi Barreto, “embora a extensão da Avenida Portuária seja inferior à da Ponte Rio-Niterói, como se trata de via destinada ao tráfego de cargas entre a Avenida Brasil e o Porto do Rio de Janeiro, o fluxo diário de veículos será alto e pode vir a ser comprometido, caso ocorra acidente envolvendo veículos que transportem produtos perigosos, que geralmente é de grande proporção e dificulta o acesso e a circulação no local, em especial por se tratar de via de pista simples”.

Além disso, o diretor destaca que a medida visa à segurança da população ao redor do trecho: “Há de se ressaltar também que existem moradias muito próximas. Assim, eventual acidente com esse tipo de carga ameaçaria a integridade física dos moradores e transeuntes do entorno do viaduto”.

O voto também explica que, por se tratar de um viaduto, as altas temperaturas, como as desenvolvidas em acidentes com produtos inflamáveis, podem colocar em risco a estabilidade de estruturas de aço e de concreto de alto desempenho, deixando-as suscetíveis ao colapso.

Por fim, o diretor conclui que os transportadores de produtos perigosos poderão fazer uso do trajeto atualmente utilizado, não havendo prejuízo do acesso deles à área portuária.

 

Fonte: MInfra

Foto: Divulgação

Veja todas as VAGAS para Motoristas AQUI

Compartilhar com
Avalie este artigo