HomeRodoviasDNIT realiza obras em rodovias que escoam produção de grãos no MT

DNIT realiza obras em rodovias que escoam produção de grãos no MT

Portal Estrada - DNIT realiza obras em rodovias que escoam produção de grãos no MT

DNIT realiza obras em rodovias que escoam produção de grãos no MT

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) realiza continuamente serviços de engenharia para manter as rodovias federais em boas condições de trafegabilidade. As obras ações de manutenção garantem mais conforto e segurança aos usuários, além de diminuir o tempo das viagens.

Em Mato Grosso, as equipes da Autarquia executam os serviços de conservação e de manutenção do pavimento de todas as rodovias federais que cortam o estado, além de trabalhar na melhoria da sinalização vertical e na roçada da vegetação nas margens da pista.

Esses serviços são de extrema importância para as rodovias de Mato Grosso, pois elas recebem o tráfego pesado de caminhões característico do estado, maior produtor de grãos do Brasil e que utiliza basicamente o modal rodoviário para escoar a produção até os portos visando a exportação para o mercado internacional.

Em um dos trechos da BR-364/MT, por exemplo, próximo ao município de Diamantino, na região Médio-Norte, o DNIT executou um remendo profundo no pavimento, colocando pedras rachão, para assegurar a durabilidade do pavimento. Também foram executados os serviços de limpeza das margens que melhoram a visualização das placas de sinalização, dando mais segurança aos condutores.

Dentro do Estado, o DNIT é responsável pela manutenção de 4,2 mil quilômetros de patrimônio público de malha federal (BR-070/MT, BR-158/MT, BR-163/MT, BR-174/MT, BR-242/MT e BR-364/MT). Todas as rodovias federais que cortam o Estado possuem contrato de manutenção ativos, com empresas atuando corriqueiramente na execução das obras.

BR-158

Utilizando maquinários pesados, as equipes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) avançaram na execução das obras de manutenção no trecho não pavimentado da rodovia BR-158, em Mato Grosso. Os serviços melhoraram a trafegabilidade do trecho de 130 quilômetros de extensão, em traçado provisório, uma vez que a implantação definitiva da rodovia passará a contornar a Terra Indígena Marãiwatsédé.

Os pontos críticos com atoleiros foram eliminados, em razão dos serviços de manutenção. Dessa forma, os caminhões e carretas trafegam normalmente e sem formar filas. As obras já garantiram maior trafegabilidade aos usuários e continuarão sendo executadas ao longo do ano, reduzindo o impacto causado pelas chuvas no trecho.

 

Fonte: DNIT

Foto: Divulgação

Veja todas as VAGAS para Motoristas AQUI

Compartilhar com
Avalie este artigo