HomeRodoviasExército deve assumir novos lotes de duplicação da BR-116

Exército deve assumir novos lotes de duplicação da BR-116

Exército

Exército deve assumir novos lotes de duplicação da BR-116

O Exército Brasileiro está estudando a possibilidade de assumir novos lotes de duplicação da BR-116. As forças armadas foram convidadas pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) para assumir mais uma parte da obra. O Comando Militar do Sul foi consultado para saber se o 1° Batalhão Ferroviário do Exército tem interesse em executar os serviços.

De acordo com o jornalista Jocimar Farina, um documento indica que as negociações envolvem o lote três, que pertence à construtora Ivaí. A obra está em andamento entre os quilômetros 351,34 e 373,22, entre Camaquã e Tapes, e já teve 63,8% dos trabalhos finalizados. Inclusive, um trecho de 5 km do lote 3 devem ser entregues na próxima liberação da pista duplicada, entre os 30 km anunciados pelo Ministério de Infraestrutura.

O 1° Batalhão Ferroviário do Exército trabalha na duplicação dos lotes 1 e 2, entre Guaíba e Tapes. Através de contrato firmado com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit), o Exército assumiu as obras que eram de responsabilidade da construtora Constran, que entrou em recuperação judicial e teve seu contrato rescindido.

Até o final do ano, os usuários da BR-116, no Rio Grande do Sul, devem transitar em mais 30 quilômetros de duplicação na pista entre Guaíba e Pelotas. Depois de liberar 47 quilômetros ao tráfego no mês de agosto, o DNIT trabalha atualmente em cinco trechos da rodovia, que devem ser concluídos ainda em 2019.

A duplicação da rodovia, que totaliza 211 quilômetros, é uma das prioridades do governo federal. As obras sob responsabilidade da Autarquia foram intensificadas pela atual gestão com o objetivo de garantir o seu término até o final de 2021.

Fonte: Acústica

Foto: Divulgação/Comando Militar do Sul

Para ler as nossas #DICAS clique AQUI

Compartilhar com
Avalie este artigo