Portal Estrada
© Portal Estrada / Todos os direitos reservados.
HomeNegóciosGrupo Agrijar recebe o seu primeiro Scania movido a gás

Grupo Agrijar recebe o seu primeiro Scania movido a gás

TransMaroni amplia frota com 11 caminhões Scania a gás

Grupo Agrijar recebe o seu primeiro Scania movido a gás

O veículo, que fará o transporte de cosméticos para a L’Oréal no eixo Rio x São Paulo, marca o início da parceria da Scania com o Grupo carioca.
“É o nosso primeiro Scania. A expectativa é muito boa e já pensamos, em um prazo médio e dependendo da performance do veículo, em ter pelo menos 50% da nossa frota com caminhões movidos a gás.”

A projeção é de José Antônio Barroso Oliveira Batista, Diretor Geral e Financeiro do Grupo Agrijar, mas no que depender da Scania esta será apenas a primeira boa experiência vivida nesta parceria que acaba de começar. Afinal, é este o jeito Scania de ser e atender e é também este o propósito da marca: estar ao lado do cliente na transformação para um setor de transportes mais sustentável.

O novo P 340 4×2 movido a gás natural veicular (GNV) e/ou biometano é o responsável por gerar essa expectativa. O veículo chega para ampliar a frota da Agrijar e atender as demandas de transporte de cosméticos da L’Oréal, cliente de longa data do Grupo. Para cumprir essa missão, a empresa pretende utilizar um baú de três eixos e o biometano como combustível. “Já vamos começar a operação preferencialmente com o uso do biometano. O abastecimento será feito nos postos do trecho Rio x São Paulo, onde o caminhão vai atuar”, afirma José Antônio.

A rota tem cerca de 430 km e é nesses estados que estão localizadas a matriz e a filial da empresa. “Nossa matriz fica no Rio de Janeiro e temos uma filial em São Paulo, onde está nosso gerente de transportes para cuidar da logística de nossas operações”, conta o diretor do Grupo.

É também neste eixo que rodam os demais 65 caminhões que compõem a frota da empresa. São cerca de 25 mil quilômetros percorridos todos os meses para fazer o transporte de cargas fracionadas de clientes de diferentes segmentos de atuação.

Aliás, foi o crescimento dessa demanda que fez com que o Grupo, fundado em 1983 por Joel Ferreira Batista, pai de José Antônio, criasse uma área específica para transportes em 1997. Anteriormente, a empresa tinha como foco a comercialização e a distribuição de produtos agropecuários e para jardinagem – de onde nasceu o nome Agrijar.

Esse conhecimento do campo e das estradas é o que mantém o diretor do Grupo otimista para o uso do biometano como combustível, mais um passo da empresa pela sustentabilidade. “Estamos sempre atentos a essa questão, tanto que nosso slogan é ‘O Verde é a nossa marca!’. Os veículos corporativos da diretoria, por exemplo, já são híbridos. E o Grupo também faz as compensações de emissão de CO2 em uma área de reserva ambiental que mantemos em Araruama, no interior do Rio de Janeiro”, ressalta José Antônio.

O caminhão a gás se une a essas ações para fazer ainda mais diferença nos resultados de transporte da empresa. Mas, esse veículo tem ainda outro significado marcante: é o primeiro caminhão a gás que a Scania entrega dentro de sua fábrica, em São Bernardo do Campo, em São Paulo. E, como diz o ditado, a primeira vez a gente nunca esquece. Veja, então, os registros dos melhores momentos desse encontro, que a Scania espera que seja o primeiro de muitos:

https://www.instagram.com/tv/CHyPkTgBxyY/

 

Fonte: Jornada Scania

Foto: Divulgação

Veja todas as VAGAS para Motoristas AQUI!

Compartilhar com
Avalie este artigo