HomeRodoviasMovimento em rodovias cresce 4,5% e tem melhor resultado desde início da pandemia

Movimento em rodovias cresce 4,5% e tem melhor resultado desde início da pandemia

Movimento em rodovias cresce 4,5% e tem melhor resultado desde início da pandemia

Movimento em rodovias cresce 4,5% e tem melhor resultado desde início da pandemia

O movimento nas rodovias administradas pela CCR (CCRO3) segue em franca recuperação. Entre os dias 28 de agosto e 03 de setembro, a demanda cresceu 4,5% em relação a igual período do ano passado, mostra boletim enviado ao mercado nesta sexta (4).

A alta mais expressiva ocorreu entre veículos comerciais (13,7%). Os veículos de passeios caíram 7,3%. No ano, há uma redução de 5,6% no tráfego.

Segundo a CCR, desde o início da pandemia do coronavírus, o movimento nas rodovias vinha demostrando quedas por conta da quarentena imposta pelos governos estatuais. No pior momento, em abril, o recuo semanal chegou a 37%.

A redução do volume de pessoas nas rodovias se refletiu no resultado da empresa no segundo trimestre, que passou de lucro para prejuízo.

A companhia teve prejuízo comparável de 164,7 milhões de reais de abril a junho, ante lucro de 329,5 milhões em igual etapa de 2019.

Multas em rodovias crescem 88% em dez anos e acidentes com vítimas registram queda

Outros modais

No caso dos aeroportos, a queda continua expressiva (74,9%), porém menor que na semana passada (83,5%).

A CCR Mobilidade, que administra linhas de metrô e barcas, observou uma diminuição de 55,2%.

Veja o documento:

Leia mais

Tamoios prepara operação para feriado de 7 de setembro

BR-

A BR-101 Sul passa a ter administração de uma concessionária nesta sexta-feira (7). A CCR ViaCosteira, nome dado à subsidiária da CCR Rodovias, começará a operação da estrada no contrato de 30 anos. Serão quatro praças de pedágio entre Paulo Lopes e Passo de Torres, na divisa com o Rio Grande do Sul.

A construção das estruturas está dendro do pacote de obras iniciais previstas. No período de concessão, a concessionária precisará aplicar R$ 7,4 bilhões em obras.

 

Fonte: Money Times

Foto: Divulgação

Veja todas as VAGAS para Motoristas AQUI!

Compartilhar com
Avalie este artigo