HomePolíciaPRF registra em 1 mês metade do total de excesso de peso do primeiro semestre em PE

PRF registra em 1 mês metade do total de excesso de peso do primeiro semestre em PE

Portal Estrada - PRF registra em 1 mês metade do total de excesso de peso do primeiro semestre em PE

PRF registra em 1 mês metade do total de excesso de peso do primeiro semestre em PE

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) tem intensificado a fiscalização de infrações que comprometem a segurança viária nas rodovias federais de Pernambuco, para coibir condutas imprudentes e reduzir a violência no trânsito. Destaca-se a fiscalização do excesso de peso em caminhões de carga, que registrou 2,75 mil toneladas apenas no mês de agosto deste ano. Esse resultado corresponde a metade do total de excesso de peso registrado no primeiro semestre, que foi de 5,4 mil toneladas.

Entre janeiro a agosto de 2021, a PRF já registrou 9,4 mil toneladas de peso acima do permitido em Pernambuco, através de diversas operações direcionadas para coibir essa prática. O transporte de mercadorias acima do permitido sobrecarrega o sistema de freios e a suspensão dos caminhões, compromete a dirigibilidade, danifica o asfalto das rodovias e aumenta o risco de acidentes graves.

Além disso, destaca-se a quantidade de autuações por desrespeito à Lei do Descanso do Motorista realizadas no mesmo mês, em que foram registradas 209 dos 254 autos emitidos este ano. A norma define que a cada 5h30 de direção, os motoristas devem descansar 30 minutos, e no intervalo de 24h, devem-se observar 8h ininterruptas de descanso.

Esses resultados fazem parte do planejamento do Serviço de Operações (SEOP) da PRF, através da Unidade Regional de Segurança Viária (URSV), que tem direcionado as ações de fiscalização da regional para redução da acidentalidade. A iniciativa está em consonância com as diretrizes da Diretoria de Operações (DIOP), que busca alinhar ações de segurança viária e enfrentamento ao crime nas regionais.

A Câmara dos Deputados aprovou na quarta-feira (1/9) a Medida Provisória 1050/21, que aumenta de 10% para 12,5% a tolerância para o excesso de peso por eixo de ônibus de passageiros e de caminhões de carga sem aplicação de penalidades. A matéria será enviada ao Senado.

De acordo com o substitutivo do relator, deputado Vicentinho Júnior (PL-TO), os caminhões ou combinações de veículos (carretas com reboques, por exemplo) de peso bruto total regulamentar igual ou inferior a 50 toneladas deverão ser fiscalizados apenas quanto aos limites de peso bruto total ou de peso bruto total combinado (caminhão mais o reboque), cuja tolerância fixada pela lei é de 5%. As mudanças são feitas na Lei 7.408/85.

 

Fonte: PRF

Foto: Divulgação

Veja todas as VAGAS para Motoristas AQUI!

Compartilhar com
Avalie este artigo