HomePedágioSete praças gaúchas de pedágio ficam mais caras no sábado

Sete praças gaúchas de pedágio ficam mais caras no sábado

pedágio

Sete praças gaúchas de pedágio ficam mais caras no sábado

A partir deste sábado, entra em vigor o aumento de 4,31% na tarifa das sete praças de pedágio administradas pela empresa CCR ViaSul. Esta é a primeira vez que o reajuste, previsto no contrato de licitação, será aplicado.

Com isso, o valor básico (automóvel, caminhonete e furgão) passará de R$ 4,40 para R$ 4,60 nas praças de Três Cachoeiras, na BR-101; Gravataí, na BR-290; Montenegro, Paverama, Fontoura Xavier e Victor Graeff, na BR-386. 

Leia também:

Já no pedágio de Santo Antônio da Patrulha, na BR-290, a tarifa básica passará de R$ 8,80 para R$ 9,20. O valor é mais alto pois cobrança acontece somente no sentido litoral, sendo o retorno com passagem livre pelos guichês.

O reajuste no pedágio corresponde à variação da inflação oficial, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), em 2019. Ele foi autorizado pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) em reunião realizada nesta terça-feira, e publicado no Diário Oficial da União nesta quarta.

História

Considerando os trechos da concessão da CCR ViaSul, hoje com dois postos de cobrança na freeway (BR-290), as novas praças mais que triplicam as áreas com pedágio, pois a empresa passará a um total de sete praças pedagiadas.

Outro fator que vai pesar nas finanças de pessoas físicas e empresas é que haverá reajuste anual das tarifas. Será repassado o IPCA de 12 meses, que ficou em 4,31% em 2019. Mas o período poderá ser de fevereiro de 2019 a janeiro de 2020, cujo acumulado ainda não fechou.

 

Fonte: Correio do Povo

Foto: Divulgação

Leia as nossas #dicas especiais AQUI!

Compartilhar com
Avalie este artigo