HomeTag de Posts "caminhões" (Page 45)

caminhões T

“A PACCAR registrou boas receitas e lucros anuais em 2020”, disse Preston Feight, CEO. “Os resultados da empresa refletem os produtos e serviços de qualidade premium da empresa, excelente eficiência operacional e fortes vendas de

A Volvo encerrou 2020 com excelentes resultados em caminhões, mesmo num período de grandes adversidades. Os modelos FH 540cv e FH 460cv foram os caminhões pesados mais vendidos do Brasil, ficando em primeiro e segundo

O movimento de veículos pesados, sobretudo caminhões, nas rodovias pedagiadas do Brasil cresceu 2,2% em janeiro de 2020. Ou seja, na comparação com o mesmo mês de 2020. Quando comparado com o resultado de dezembro,

A Volvo inicia 2021 aumentando o ritmo da operação industrial da marca em Curitiba (PR). A empresa contratou novos funcionários para atender um aumento consistente na demanda por seus caminhões. Com as novas admissões, o

A Rodobens entregou 38 caminhões novos Mercedes-Benz para o Grupo Botuverá em janeiro, na cidade de Rondonópolis (MT). A empresa, especializada em transporte de cargas com forte atuação entre os embarcadores do agronegócio, adquiriu 30

Em janeiro de 2021, a produção da indústria de caminhões foi de 8.600 unidades. Ou seja, 18,4% a menos que em dezembro de 2020 (10.500). Mas, ainda assim, é 19,4% superior na comparação com o

Embora sejam maioria no trecho sob concessão da BR-163, em Mato Grosso, os caminhões tiveram participação em apenas 1/3 dos acidentes com vítimas em 2020. O levantamento da Concessionária Rota do Oeste aponta que os

O início de 2021 marca o lançamento do Acelerador Inteligente Scania, um opcional que soma mais 5% e eleva a 20% a economia de combustível da Nova Geração de caminhões em comparação à gama anterior.

Após o desafiador ano de 2020, a Scania aposta que em 2021 haverá crescimento nas vendas em todos os seus mercados de atuação: caminhões, veículos a gás, ônibus, serviços e motores industriais, marítimos e para

A Daimler anunciou que a Daimler Trucks vai se separar da Mercedes-Benz, segundo o Estradão. O objetivo e dar mais agilidade às duas empresas. Assim, será possível focar nos seus respectivos ramos de negócios. Ou seja, caminhões e ônibus,